O QUE ABORDA

Quem nunca foi traído?

Amor Sob Suspeita [Private Eyes], é um suspense com pitadas de humor, que fala sobre uma suposta traição, seus fantasmas e os suspeitos.

O texto traz uma trama de múltiplas camadas, deixando o espectador intrigado e com uma dúvida durante toda a peça: em quem devo acreditar?

Em um clima pop-noir a peça apresenta Matthew e Lisa, o casal de atores, que estão sendo dirigidos pelo diretor do momento Adrian Poynter, que usa do seu status para seduzir a bela Lisa. Matthew, ao perceber o clima da traição, tenta negar tudo para si mesmo, mas fantasia secretamente uma vingança. Nas visitas a Franco, seu terapeuta, Matthew tenta entender o que esta acontecendo, mas sua sanidade fragilizada lhe rouba a capacidade de colaborar com o obstinado terapeuta.

Apesar de Adrian logo antes da estreia terminar seu affair com Lisa, deixando-a com a certeza de ter sido apenas mais uma, sua esposa, Cory, o segue secretamente para emboscá-lo. Todas estas tramas vão se interligando e culminam com um final surpreendente.

Esta obra nos oferece uma inteligente abordagem sobre desilusão, traição e o fracasso da confiança. São várias camadas de possibilidades que descrevem o triângulo amoroso entre Matt, Lisa e Adrian, em que nada é bem aquilo que parece. Questões sobre o amor dentro e fora do casamento, sobre o nosso compromisso com o que nos afeta e a forma como nossa individualidade afeta o outro emergem de forma irônica de uma trama bastante contemporânea.

author